Arquivo da categoria: Colunas

Jardim Secreto Não Livro

Rittes de Quinta #11

Não-livros para não-leitores Em meio a sucessos de colorir e rasgar, onde será que ficam os livros de verdade? Muita gente não nega que os tempos atuais são marcados pela desconstrução de quase tudo o que existe, o que nem sempre pode ser considerado ruim.

Gunter Grass

Rittes de Quinta #10

A rebeldia polêmica de Günter Grass Escritor alemão faleceu essa semana, mas seu legado deve ser muito maior do seus erros juvenis. Eu devia ter uns 15 ou 16 anos quando, passeando os olhos nas estantes de uma livraria, dei com um grosso volume de

Contracapa - Psicose

Contracapa

Salvo por Hitchcock Livro mais famoso de Robert Bloch é relançado e continua tirando o sono de todos que se aventuram a lê-lo. Costumamos acreditar que livros, quando nos permitem abrir mão do sono madrugada adentro, são bons. A história seria envolvente a tal ponto

Coleção Vaga-Lume

Rittes de Quinta #9

Um vaga-lume na escuridão A série vaga-lume foi responsável por introduzir algumas gerações de crianças e adolescentes na literatura. Uma coleção que ficou marcada na vida de muitos. Ainda hoje, e talvez mais do que nunca, se discute a melhor maneira de introduzir as crianças

Neil Gaiman

Rittes de Quinta #8

Dos quadrinhos para os livros Depois de fazerem fama e ganharem o respeito dos fãs de quadrinhos, não são poucos os autores que alcançam o mesmo resultado quando decidem ir para as páginas dos livros. Com a revolução das histórias em quadrinhos nos anos 80,

José J. Veiga

Rittes de Quinta #7

O fantástico universo de José J. Veiga No centenário do autor, o melhor a se fazer é celebrar uma carreira incrível Fosse vivo, o goiano José Jacintho Veiga teria completado 100 anos no começo deste ano. Foi-se em 1999, vítima de um câncer no pâncreas.

Meu Pé de Laranja Lima

Rittes de Quinta #6

Autores brasileiros para não esquecer Literatura brasileira ainda é das mais privilegiadas com seus grande autores, mas mesmo assim parece fazer questão de esquecer alguns nomes. Houve um tempo no Brasil que o mercado editorial estava repleto de nomes que significavam vendas certas e constantes,

50 tons de antigamente

Rittes de Quinta #5

50 tons de antigamente Apesar do sucesso atual, livros eróticos para mulheres não são novidades. Relembre algumas grandes escritoras do gênero no Brasil! Com a polêmica sobre a transposição para o cinema do livro 50 tons de cinza, me lembrei da época em que, adolescente,